CLIQUE NO PLAY E ASSISTA O VIDEO,

ULTIMAS NOTICIAS

ULTIMAS NOTICIAS

Operação Lei Seca: cerca de mil CNHs recolhidas no primeiro mês de 2016

Em apenas uma blitz, Operação Lei Seca apreendeu 230 CNHs


Por Hana Dourado
Em apenas uma blitz, Operação Lei Seca apreendeu 230 CNHs (Foto; Cláudio Abdon)
Em apenas uma blitz, Operação Lei Seca apreendeu 230 CNHs (Foto; Cláudio Abdon)
Faltando apenas seis dias para terminar o primeiro mês, a equipe da Lei Seca do Rio Grande do Norte já tem um balanço parcial dos números das blitz realizadas durante a Operação Verão. Enquanto 2015 houve pouco mais de quatro mil CNHs recolhidas, em janeiro deste ano, aproximadamente mil carteiras de habilitação foram apreendidas.
A informação foi confirmada pelo capitão Styvenson Valentim, coordenador da Operação Lei Seca, na manhã desta segunda-feira (25). Um dos motivos para o aumento das apreensões das carteiras de habilitação dos motoristas potiguares foi o aumento da equipe da Lei Seca, que atualmente conta com 20 policiais. Houve ainda um acréscimo de viaturas, o que possibilitou o aumento do trabalho da equipe.
“Tivemos um reforço de 13 policiais no início do ano. Recebemos uma van e quatro viaturas e isso ajuda bastante no trabalho. Até agora tivemos sete blitz. Em apenas uma delas, 230 CNHs foram recolhidas”, informou Capitão Styvenson.
Ainda segundo o coordenador da Operação Lei Seca, apenas na última semana foram realizadas blitz de segunda-feira a sexta-feira no litoral do Estado. Nove pessoas foram pegas dirigindo sob influência do álcool. Já em Natal, uma blitz foi na madrugada de quinta-feira (21), em três bairros da zona Sul: Morro Branco; Capim Macio e Ponta Negra.
Se no primeiro mês de 2016, o número de habilitações apreendidas já equivale a quase 25% do que foi recolhido em 2015. A tendência é que o número aumente ainda mais até o último dia de janeiro. Isso porque a partir desta semana o número de blitz irá aumentar. Segundo o Capitão Styvenson, serão realizadas quatro operações por semana.
A atuação da Operação da Lei Seca também será intensificada no carnaval. A equipe de capitão Styvenson será dividida em duas. Uma irá atuar na região metropolitana de Natal e outra no interior do Estado, cujas cidades tenham grandes festejos de carnaval.
“Em 2015 não tivemos nenhuma acidente com vítimas fatais na região metropolitana de Natal. Queremos que em 2016 não tenhamos nenhum acidente com vítima fatal em todo o Rio Grande do Norte”, contou.

Pesquisar este blog

Arcebispo da Paraíba convoca para Greve Geral

A Greve Geral que deve paralisar o Brasil próxima sexta-feira, 28, ganhou reforço de membros da igreja Católica. Na P...

MAIS VISTAS

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK

INSTAGRAM @namidiadorn