CLIQUE NO PLAY E ASSISTA O VIDEO,

ULTIMAS NOTICIAS

ULTIMAS NOTICIAS

Escolas de samba de Natal prometem dar show na avenida

A poucos dias para os desfiles, as escolas de samba correm para deixar tudo pronto em fevereiro


Por Felipe Galdino
 Ana Amaral / Portal noar
Dona Fátima coordena os trabalhos preparativos das alas na Balanço do Morro (Ana Amaral/Portal noar)
Longe do glamour existente no Rio de Janeiro, as escolas de samba de Natal lutam para levar um bom espetáculo ao público que vai prestigiar o desfile na avenida Duque de Caxias entre 8 e 10 de fevereiro.
Restando duas semanas para as apresentações ao público, os membros das agremiações correm contra o tempo para deixar tudo pronto no momento em que o batuque da bateria começar e os sambas enredos caírem na boca do povo.
Apesar de estarem dormindo apenas duas horas por noite, alguns membros da Escola Balanço do Morro não param os trabalhos no barracão localizado na Ribeira. A coordenadora de alas Fátima Ribeiro dorme no local há dois meses para estar sempre a par dos trabalhos.
“Estamos correndo, mas os trabalhos estão adiantados. Precisamos de garra, a escola trabalha com superação, nossa preocupação é levar o maior show para o público. Tem gente que todo ano está na avenida só para nos ver, por isso temos um compromisso com o nosso público”, afirmou Dona Fátima, como é conhecida entre os membros da Balanço do Morro.
Neste ano, com 12 alas, o enredo da escola é o “Axé ecoa ao som do meu tambor, Balanço do Morro: 50 anos de honras e glórias”, numa homenagem às cinco décadas de fundação completadas neste ano pela escola, criada pelo saudoso Mestre Lucarino.
“São 50 anos de honras e glórias, e o carnaval para nós representa toda luta e amor que o Mestre Lucarino nos deixou. Somos uma família, trabalhamos em equipe e todos trabalham para ficar tudo pronto até o desfile”, disse a coordenadora de alas, em meio aos pedaços de papelão, fantasias coloridas inacabadas, plumas, e penas de pavão espalhados pelo barracão.
 Ana Amaral / Portal noar
Na Malandros do Samba, do artista plástico Lavô Di Paula, Carnaúba dos Dantas será homenageada (Ana Amaral/Portal noar)
Cidade do interior ganha homenagem
Nas Rocas, a Escola Malandros do Samba também promete dar show. Com um orçamento mais enxuto neste ano, o lema da escola é reciclar. Segundo o artista plástico Lavosier Di Paula (ou Lavô Di Paula, como é mais conhecido), que nesta manhã preparava os moldes de algumas fantasias no barracão, muitos dos materiais usados no carnaval passado estão sendo utilizados para o deste ano.
A Malandros do Samba busca seu bicampeonato nesta edição e contará com uma homenagem à cidade de Carnaúba dos Dantas, localizada a 219 quilômetros da capital.
Com o enredo “Lendas e mistérios de Carnaúba dos Dantas”, a agremiação neste ano trará à avenida 12 alas que vão homenagear poetas da cidade, figuras históricas, elementos da cultura local da cidade interiorana.
“Tem um participante nosso que é de Carnaúba dos Dantas e no ano passado o prefeito da cidade veio ver o desfile, gostou e neste ano ele está nos dando um apoio moral. O desfile de carnaval é uma grande peça teatral e as alas contam a história. Vamos contar a nossa”, relatou Lavô enquanto mostrava alguns chapéus de espuma sintética, um dos materiais mais usados para modelar os bonecos usados nas alas.

Pesquisar este blog

Arcebispo da Paraíba convoca para Greve Geral

A Greve Geral que deve paralisar o Brasil próxima sexta-feira, 28, ganhou reforço de membros da igreja Católica. Na P...

MAIS VISTAS

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK