CLIQUE NO PLAY E ASSISTA O VIDEO,

ULTIMAS NOTICIAS

ULTIMAS NOTICIAS

Candidatos enfrentam dificuldades financeiras

Com as mudanças introduzidas pela Lei nº 13.165/2015, conhecida como Reforma Eleitoral 2015, com importantes alterações nas regras das eleições deste ano, os candidatos que disputam o pleito municipal vêm enfrentando enormes dificuldades financeiras.
Está proibido o financiamento eleitoral por pessoas jurídicas. Na prática, isso significa que a campanha será financiada exclusivamente por doações de pessoas físicas e pelos recursos do Fundo Partidário.
As direções nacionais das principais legendas, que incentivavam candidaturas, têm enfrentado uma corrida de candidatos à Brasília a procura de recursos públicos, oriundos do Fundo Partidário.
Mas, esses recursos têm sido negado. A grande maioria vai para municípios nos estados onde os dirigentes nacionais das agremiações têm bases eleitorais. E assim as siglas estão canalizando as doações para os candidatos que consideram mais importantes, ou que têm mais chances de vencer. O poder nas máquinas partidárias também influencia na distribuição das verbas: detentores de cargos eletivos, como deputados e candidatos à reeleição, praticamente monopolizam os recursos do fundo.
Muitos candidatos não têm recursos nem para combustível. Alguns deles, em vários estados, inclusive no Rio Grande do Norte, podem renunciar por falta de condições financeiras de manter a campanha.

Pesquisar este blog

Arcebispo da Paraíba convoca para Greve Geral

A Greve Geral que deve paralisar o Brasil próxima sexta-feira, 28, ganhou reforço de membros da igreja Católica. Na P...

MAIS VISTAS

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK

INSTAGRAM @namidiadorn