CLIQUE NO PLAY E ASSISTA O VIDEO,

ULTIMAS NOTICIAS

ULTIMAS NOTICIAS

MOSSORÓ - Dinheiro do “Mais Médicos” paga residencial do prefeito de Mossoró, diz jornal

Silveira Júnior é alvo de denúncia (Foto: Wellington Rocha)Parte da verba destinada ao programa “Mais Médicos” está sendo utilizada em Mossoró para custear despesas de aluguel em um residencial de propriedade do prefeito da cidade, Silveira Júnior (PSD). A denúncia é do jornal De Fato. O chefe do Executivo mossoroense confirmou que o imóvel em questão é seu.

De acordo com a reportagem, os médicos cubanos que estão na cidade foram alojados no Residencial Flats, de propriedade do prefeito, conforme o jornal atestou ao exibir o primeiro elo entre o fato e Silveira Júnior: uma fatura de conta de água em nome do prefeito. Já a conta de luz está no nome de Amélia Ciarini, mulher do prefeito. A matéria do jornal De Fato não

Curiosamente, quem aparece como locadora do residencial é Ivanilda Borges Dias Dantas. Ela é terceira ligação de Silveira Júnior à denúncia. Segundo a reportagem do De Fato, Ivanilda é assistente social no Hospital Regional Tarcísio Maia e mãe de um primo do prefeito. O quarto elo do caso é Otávio Ferreira da Silva Neto. É no nome dele que está a procuração do contrato de locação do residencial. Otávio é primo de Silveira Júnior.

“A presença desses dois personagens, Ivanilda Borges e Otávio Neto, sugere a existência de uma rede de negócio em torno do residencial do prefeito, pois são pessoas bem próximas a ele com laços de amizade e familiar”, registra a reportagem do matutino mossoroense.

A quinta ligação ao prefeito é uma pessoa identificada por “Waguinho”. O De Fato conta que um dos inquilinos do residencial revelou que coube a Waguinho sugerir aos médicos que se instalassem no empreedimento do prefeito. Também Waguinho, informa o De Fato, é primo de Silveira Júnior.

“Com essa riqueza de detalhes, o assunto ganha forma de escândalo, não existindo dúvidas de que o aluguel de apartamentos do residencial do prefeito Silveira Júnior é pago com recursos do próprio Município”, conta ainda a reportagem, que promete entregar toda a documentação obtida ao Ministério Público, Tribunal de Contas do Estado e Câmara Municipal de Mossoró.

Outro lado
Ao jornal De Fato, Silveira confirmou que é dono do imóvel e que Ivanilda atua em seu nome na locação, razão pela qual cabe a ela, explicou o prefeito, dar as devidas explicações. Na nota que a assessoria encaminhou ao jornal, se diz ainda que “a Prefeitura de Mossoró não tem contrato algum com nenhum condomínio para moradia de médicos do programa Mais Médicos. A Prefeitura paga uma ajuda de custo em pecúnia aos profissionais vinculados ao Município no valor de R$ 1.500,00 por médico, que é usada para alimentação e moradia. Cabe a eles decidirem onde e como querem morar, bem como se alimentar”. O jornal também procurou os outros citados na matéria, mas registra que não obteve sucesso.

Pesquisar este blog

Arcebispo da Paraíba convoca para Greve Geral

A Greve Geral que deve paralisar o Brasil próxima sexta-feira, 28, ganhou reforço de membros da igreja Católica. Na P...

MAIS VISTAS

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK